segunda-feira, 18 de junho de 2018

Martinez cria projeto que concede Título de Cidadania Guadalupense à enfermeira Selma de Brito.

O vereador se somou a moção de pesar aos familiares de Celso Sá (Morador da 140/Vila Parnaíba), Clecina Sousa (Moradora da Qd 14/Centro) e João Queiroz (Morador do Bairro Coqueiro), falecidos nesta segunda 18/06.
Vereador Martinez


Durante a sessão realizada na noite desta segunda-feira 18/06, na Câmara Municipal de Guadalupe, foi apresentado o projeto de lei de autoria do vereadora Martinez, que concede Título de Cidadania Guadalupense a enfermeira Sra. Antonia Selma de Brito.
No projeto apresentado o vereador usou a seguinte justificativa:

Antonia Selma de Brito nascida no dia 28/10/1956 em Fortaleza CE. Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal do Piauí - UFPI, em 1994, se especializando em seguida em Saúde Pública, Saúde da Mulher e do Adolescente, Saúde da Família e docência para o curso de Enfermagem e Gestão em Atenção Básica pela Universidade do Canadá.
No ano de 1964 seus pais juntamente com tios e demais familiares deslocaram-se de Fortaleza para Guadalupe a convite do então Superintendente da Companhia Hidroelétrica de Boa Esperança - COHEB, Dr. Jose Maria Gomes, para construírem as primeiras casas que abrigaria os funcionários que vieram trabalhar no início da Hidroelétrica de Boa Esperança. Cursou o antigo primário na escola construída pela COHEBE, hoje CEDEG, prestando exame de admissão ao ginásio, concluído o mesmo na Unidade Escolar João Pinheiro. Não havendo segundo grau em Guadalupe deslocou-se para Fortaleza onde cursou o Técnico em Administração de Empresa na Escola Estadual Presidente Castelo Branco. Em 2003 prestou concurso para Enfermeira da prefeitura Municipal de Guadalupe, assumindo o cargo de Enfermeira Supervisora do Programa de Agentes Comunitário de Saúde PACS e Coordenou a Atenção Básica. Com a implantação do Programa Saúde da família de Guadalupe prestou novo concurso sendo novamente aprovada assumiu o cargo de Enfermeira do Programa. Gestora do Hospital Local de Guadalupe, de 2012 a 2016, onde realizou uma importante reforma no setor de internação feminina, especificamente na ala de maternidade, sendo adquiridos equipamentos como: aparelho para fazer ultrassonografia, colposcopia, desfibrilador cardíaco, lavanderia e outros de grande utilidade para o Hospital. Nesse período também foi docente do ETEC, contribuindo na formação da primeira turma de Técnicos de Enfermagem. Em 2017 voltou a assumir o cargo de enfermeira assistencial lotada na Unidade de Saúde Dr. Leônidas Arrais Mousinho, onde permanece até o presente momento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Veja mais