CURTA AGORA MESMO NOSSA PÁGINA

segunda-feira, 4 de março de 2019

Satanás “vence” Jesus no desfile da Gaviões da Fiel

No desfile da escola de samba Gaviões da Fiel, na madrugada do domingo, 3 de fevereiro, em São Paulo, a comissão de frete trazia uma encenação na qual Jesus era vencido por Satanás, em uma “batalha do bem contra o mal”.

A escola de samba paulista reeditou o samba-enredo de 1994, “A Saliva do Santo e o Veneno da Serpente”, sobre a história do tabaco.
Ao trazer a descrição do desfile da escola de samba, o site ‘Carnavalesco’ explica que a comissão de frente da Gaviões conta “sobre uma lenda árabe” sobre o surgimento do tabaco, relacionada a Santo Antão.
Esse santo “teria abdicado sua vida toda a percorrer a África levando a mensagem de Cristo, ele acreditava nesse conceito cristão. Já adulto encontrou uma serpente, maltratada, judiada, com sede, descamando, e a acolheu. Quando ela se restabeleceu, a serpente picou o braço desse santo, traiu a confiança dele. O santo assustado pela picada, jogou a cobra longe e chupou o veneno da cobra na mordida. No local que ele cuspiu esse veneno, surgiu um pé de tabaco”, descreve o site.
Diante disso, comentaristas do desfile afirmaram que o personagem da comissão de frente vestido com um tecido em volta do quadril, usando uma coroa de espinhos e com marcas de flagelação era o santo e não Jesus Cristo.
Entretanto, durante a transmissão da Rede Globo, logo após o desfile, os comentaristas receberam no estúdio integrantes da comissão e o coreógrafo, quando foi feita a correção de que o personagem em questão não era o Santo Antão, mas sim Jesus Cristo.
“O foco era chocar. Essa comissão de frente foi incrível e alcançou nosso objetivo, que era mexer com essa polêmica de Jesus e o diabo, com a fé de cada um”, afirmou o coreógrafo Edgar Junior.
O fato logo levou à repercussões nas redes sociais, com muitos cristãos lamentando esta encenação.
“Gaviões da Fiel encenou o diabo batendo e vencendo Jesus Cristo logo na comissão de frente. Comentaristas da Globo alegaram ser Santo Antão do Deserto, o místico do norte da África. Balela. O dançarino portava até uma coroa de espinhos”, comentou ensaísta, tradutor e intelectual católico Bernardo Pires Küster, ao lamentar que “o sonho da carne é vencer o Santo mesmo”.
Por sua vez, Padre Augusto Bezerra, da Arquidiocese do Rio de Janeiro, escreveu em sua página de Facebook: “Quem produziu e encenou a vitória de Satanás sobre Jesus no sambódromo terminou de ver a série antes da última temporada. Vou dar o spoiler: o Maldito Cão caiu no lagar de fogo e foi pisado pelo Cordeiro Imolado Ressuscitado junto com seus anjos e os homens que se rebelaram contra Deus”.
Sem citar diretamente o desfile da escola de samba, Padre José Eduardo, da Diocese de Osasco (SP), também comentou em suas redes sociais: “A zombaria é o anestésico pelo qual o diabo dessensibiliza a alma para a sua própria desgraça”.

Fonte: Acidigital

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Final do Campeonato Guadalupe se de Futebol 2018.

Publicado por Francinaldo Publicidades em Domingo, 25 de novembro de 2018

Missa na igreja matriz de Nossa Senhora de Guadalupe, celebrada pelo Padre Gilvan Dias em 10/03/2019.

Publicado por Francinaldo Publicidades em Domingo, 10 de março de 2019
ÚLTIMA NOITE DE CARNAVAL Guadalupe

Um pouquinho de Novo Xodó, no corredor da folia.

Publicado por Francinaldo Publicidades em Quarta-feira, 6 de março de 2019

CONTATOS

CONTATOS