MASIGNCLEAN101

Peugeot 208, um modelo de sucesso da montadora francesa

Desde o sucesso do modelo 206, a Peugeot tenta recriar uma dinâmica parecida capaz de agradar na mesma proporção os consumidores. A nova versão do 208 vem com a expectativa de superar as vendas não tão promissoras do modelo anterior, apresentando um compacto marcante e mais impactante. Com mais espaço interno, mais tecnologia e apostando num visual que o deixou ainda mais estiloso, o novo 208 vem equipado com faróis e lanternas que reproduzem a passada das garras de um leão e uma série de itens e novidades que demonstram a força da Peugeot no segmento dos hatches. 


Tecnologia

O novo Peugeot 208 fabricado na Argentina na sua versão Mercosul chega ao Brasil no mesmo instante que a versão francesa é lançada na Europa. A tecnologia não deixou de ser um elemento marcante capaz de conquistar nós consumidores e impressionar pela sua capacidade de gerar mais segurança e estabilidade ao veículo. Todas essas, aliadas ao design mais moderno e aos itens potencializadores de conforto, são estratégias para tentar repetir o sucesso da primeira geração dada ao grande volume de vendas do Peugeot 206 no mercado brasileiro. Primeiro modelo da PSA na América Latina a usar a plataforma modular CMP, o novo 208 traz em sua estrutura equipamentos como alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência, assistente de manutenção de faixa (com alerta e intervenção no volante), leitor de placas de velocidade e farol alto automático, sistema de  painel digital com efeito 3D além das inovações no carregador de celular que agora pode ser por indução e faróis full-LED. As novidades já podem ser vistas na versão de entrada, que já apresenta DRL em LED no para-choque (definido pela montadora de "dente de sabre") além de aspectos cromados na parte interna do veículo visíveis nas maçanetas e saídas de ar.

Desempenho e performance

Dirigir o novo Peugeot 208 é uma experiência diferenciada e que permite perceber o quanto a tecnologia e a criatividade podem ser boas aliadas das produções automotivas. A performance deste modelo garante uma dirigibilidade agradável num veículo que se comporta muito bem para os propósitos da categoria. A concorrência no segmento dos hatches compactos é grande com modelos competitivos e cada vez mais inovadores em diversos aspectos e a fabricante consegue atender as expectativas e entender as necessidades dos consumidores. Pelo design, podemos perceber que as linhas insinuantes, da nova plataforma CMP criaram um visual novo e arrojado que dão a impresso do carro parecer  maior, superior e mais refinado que o padrão. Este modelo é superior ao antigo 208 devido a algumas inovações como o centro de gravidade mais baixo e maior curso na suspensão. A rigidez estrutural e os elementos anti-ruído e anti-vibração foram elevados dando mais segurança na direção. Este modelo é muito assentado trazendo mais estabilidade e confiança na direção ficando muito visível no momento de uma escapada, que se faz forma mais suave e discreta e igual nos dois eixos. Nota-se assim um equilíbrio incomum para um segmento de carros que só escapam de dianteira .
Conforto
Mais um aspecto que a montadora francesa consegue adaptar proporcionando mais comodidade e bem estar aos passageiros. O carro tem um rodagem macia e silenciosa como jamais um compacto da Peugeot conseguiu alcançar. O 208 se comporta com notável suavidade nas descidas e curvas ou nos momentos que se exige mais do sistema de suspensão. O modelo argentino feito para o lançamento no Mercosul é mais robusto e tem 10 mm  a mais de altura em relação  ao solo mantendo esse espaço de segurança mesmo nas inclinações de curvas. Sobre a posição de dirigir, os motoristas continuarão usufruindo de mais espaço e conforto no banco e no volante para os mais altos. Isso porque o espaço foi ampliado deixando maiores os ajustes do banco e da direção do veículo ampliado  dando maior alcance e visibilidade ao quadro de instrumentos acima do volante, pois tanto o range de ajuste do banco quanto da direção ficaram maiores.  As críticas vão para o espaço de trás que não sofreu muita alteração fazendo com que os passageiros não tenham muito conforto ficando com as pernas meio restritas além do porta-malas que foi reduzido em 20 litros ficando com apenas 265 litros de capacidade interna. 
Ainda assim o modelo compensa com diversas características capazes de atenuar as deficiências e aprimorar outros itens que maximizam a experiência das viagens. São particularidades como: banco envolvente, sofisticado revestimento de couro Alcantara legítimo nesta versão Griffe, maior volante com diâmetro reduzido e boa pegada,  design arrojado do painel frontal, acabamento interno impecável acima dos outros modelos da categoria, quadro de instrumentos digital, sistema de efeito 3D causado com projeção de duas telas capazes de encantar os motoristas, estilo próprio, console central moderno com porta-objetos para acomodar o celular, comandos do tipo tecla de aviação com revestimento metalizado  abaixo da ventilação, maçanetas cromadas.
Gostou do nosso artigo e gostaria de ficar por dentro de mais informações sobre os modelos de lançamento? Então acompanhe as nossas redes sociais e acesse os nossos periódicos. 

Missa da Páscoa do Senhor. Direto da Igreja Matriz Nossa Senhora de Guadalupe - 04/04/2021

Postagens mais visitadas