Francinaldo Publicidades - Guadalupe

A professora Cleide Aparecida dos Santos, 60 anos, foi assassinada a facadas na casa dela por um ex-aluno. O crime teria sido motivado por raiva, após Cleide chamar a atenção do jovem, de 24 anos, em sala de aula durante momentos de bagunça. As informações são do g1.



Conforme o major da Polícia Militar, Israel Rodrigues, o suspeito foi preso algumas horas após matar a ex-professora, pois procurou atendimento médico em Unidade de Pronto Atendimento (UPA). O nome do jovem, que teria machucado o pé durante a ação, não foi divulgado pela polícia.

Cleide havia dado aulas para o jovem durante o ano de 2021, e trabalhou até janeiro deste ano no mesmo colégio em que ele estudava. 

"O rapaz disse que guardava uma raiva muito grande por parte da professora, pois era sempre chamado a atenção porque bagunçava em aula e vendia drogas nas imediações do colégio, além de ser levado para a coordenação do colégio".

A professora chegou a chamar o filho ao perceber a invasão. Ele acabou ferido no braço com a faca. Após o crime, o suspeito fugiu do local pulando o muro, segundo informações da Polícia Civil. 

Apesar de o Corpo de Bombeiros ter sido acionado para socorrer a vítima, Cleide não resistiu.  

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego) lamentou a morte de Cleide. "Neste momento de dor, o Sintego expressa suas condolências e os mais sinceros pêsames aos familiares, amigos e colegas". 


1 Comentários

Postar um comentário

Grupo Ramos

Francinaldo Publicidades - Guadalupe

PUBLICIDADES

Francinaldo Publicidades - Guadalupe
Francinaldo Publicidades - Guadalupe