Francinaldo Publicidades - Guadalupe



Nilza Ana da Silva Barcelos, 82, e sua filha, Rosane Cristiana da Silva Barcelos, 58, morreram em meio às fortes chuvas que atingem Carapebus (RJ). A informação foi confirmada na noite de sábado (3), dois dias após elas desaparecerem, levadas por uma enxurrada.

As mulheres eram, respectivamente, mãe e irmã do secretário de administração do município, Luiz Geraldo da Silva Barcelos. A prefeitura, comandada por Bernard Tavares (Republicanos), emitiu uma nota lamentando manifestando solidariedade.

"A Prefeitura de Carapebus presta profundas condolências à família do secretário de Administração Luiz Geraldo da Silva Barcelos pela perda irreparável de sua mãe Nilza Ana da Silva Barcelos, e de sua irmã, Rosane Cristiana da Silva Barcelos, vítimas da tragédia que se abateu sobre nossa cidade. Essas perdas ficarão marcadas nas mentes e corações de todos os carapebuenses, diante da maior catástrofe natural da história de Carapebus", afirmou o comunicado.

Nos comentários da publicação, moradores da cidade lamentaram o incidente e declararam seu carinho por "vó Niza" e por Rosane, que trabalhava como professora da rede municipal de educação.

Abalada pelas fortes chuvas, Carapebus decretou situação de emergência na sexta-feira (2), suspendendo aulas na rede municipal e iniciando uma campanha de arrecadação de recursos, como mantimentos, água potável, medicamentos, produtos de higiene pessoal e de limpeza, cobertores, roupas de cama, travesseiro, fraldas, brinquedos e colchões.

Um dia depois, no sábado (3), a prefeitura divulgou o relatório preliminar dos prejuízos causados pela chuva ao comércio local, informando que os danos, abrangendo maquinários, estoques, mobílias e afins, ficou em um valor em torno de R$ 11,7 milhões.


FONTE:180GRAUS

Post a Comment

Grupo Ramos

Francinaldo Publicidades - Guadalupe

PUBLICIDADES

Francinaldo Publicidades - Guadalupe

CLIQUE NA IMAGEM E SAÍBA MAIS

clique na imagem e você será direcionado para nosso instagram