Francinaldo Publicidades - Guadalupe

Na extrema zona Sul de Teresina, um morador da Cerâmica Cil, identificado como Francisco Magalhães, o seu Francisco, encontrou uma ossada humana quando voltava para sua residência na tarde desta segunda-feira (09/01).

Ele revelou que observou os urubus sobrevoando um entulho, local onde sentiu forte mau cheiro. Foi até lá e encontrou uma ossada carbonizada. “Vi os urubus voar, vim pra saber o que era, a gente estava em dúvida sobre os restos mortais, pensava que era um porco, chamei uns colegas meu pra confirmar e viram que era um corpo, entrei em ação, liguei pra polícia e estão aí. Tão pensando que tem mais coisas dentro do entulho que tá queimando ainda. Eu moro aqui, todo dia passo aqui e nunca tinha visto mau cheiro. Esse entulho já tem uns quatro meses aqui, toda vez queimam”, contou.

As guarnições que atenderam a ocorrência são do 17º Batalhão de Polícia Militar, que acionaram a Polícia Civil para investigar os removedores do Instituto Médico Legal para recolher os restos mortais da vítima, não identificada até o momento. Seu Francisco também disse não saber de ninguém desaparecido lá pela Cerâmica Cil, o que faz pensar que a pessoa morta pode ter sido desovada lá, tendo sido trazida de outra região ou bairro. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) vai investigar o caso.



FONTE:180GRAUS

Post a Comment

Grupo Ramos

Francinaldo Publicidades - Guadalupe

PUBLICIDADES

Francinaldo Publicidades - Guadalupe

CLIQUE NA IMAGEM E SAÍBA MAIS

clique na imagem e você será direcionado para nosso instagram